:: home :: posts passados :: etilíricas :: je me souviens :: microcontos ::


Zenices

Pensamentos de Zeno acrescidos de pérolas de igual verve vindas de procedência vária.


.:: mês anterior :: :: :: :: November 2003 :: :: :: :: próximo mês ::.

27 Novembro

Nunca é tarde

“Os meu trinta e nove outonos estão, como sempre, às ordens das tuas vinte e cinco primaveras”

Artur Azevedo

(da série “Epígrafes manjadas porém incontornáveis”)

(homenagem do blog ao aniversariante da semana que vem)
08:47:20 - Zeno -

24 Novembro

Um país se faz com homens e livros

"Como se sente um bom livro, quando ele é colocado entre dois ruins?"

Nikolaus Cybinski

(da série “Epígrafes que gostaríamos de usar”. Extraído distraidamente de um exemplar da revista Akzente, junho de 1987, perdido numa prateleira com vários livros ruins).
09:32:02 - Zeno -

20 Novembro

É Proibido Fumar, de Roberto Carlos (Parte II)

O público pediu. Implorou. Exigiu. Reclamou. Nós ignoramos os pedidos de cancelamento e continuamos a publicar as Notas para uma Leitura Materialista de "É Proibido Fumar", do Moço de Cachoeiro Roberto Carlos (para os desavisados e masoquistas: a primeira parte foi publicada em 12/11/2003, na Seção Zenices). [Leia mais!]
11:45:31 - Zeno -

19 Novembro

Resenhistas do grand monde, uni-vos!

Para que não restem dúvidas sobre as intenções venais desse blog, relatamos a seguir história verídica: jantar a quatro no Antiquarius do Rio. Usamos a credencial de “resenhista de bares” para obter melhor atendimento no lugar. Recebemos graciosamente uma cópia do cardápio, que contém pérolas gastronômicas como Lombo de Bacalhau ao Queijo da Serra, Camarão Estufado à Moda de Macau e Cataplana de Lombo com Vieiras à Alentejana. [Leia mais!]
14:01:53 - Zeno -

14 Novembro

Campanha pela Quarentena do Com Certeza

Você vai à padaria e ele está lá. Você liga a TV e dezenas deles pulam à sua frente. Você assiste ao seu joguinho de futebol e, ao final, antes do chuveiro dos jogadores, eles dão o ar da graça. Na mesa ao lado da sua, em seu restaurante predileto, ele é servido entre o couvert e o prato principal. Estamos falando do “Com Certeza”, essa nefanda expressão que tomou conta da cena brasileira dos últimos meses.

Enquanto isso, dezenas de expressões e locuções minguam nas creches lingüísticas espalhadas pelo Brasil, vítimas do abandono das classes mais favorecidas e do descaso do poder público. Em instalações com pouca ou nenhuma salubridade, empoeiradas entre pilhas de “boco-moco”, “supimpa”, “É brasa!” e que tais, elas padecem a sina de não serem mais modismos, ou mesmo de serem apenas expressões usuais, sem apelo mercadológico.

É por esta razão que nos manifestamos: adote um “É verdade”, um “Tem razão”, um “Claro” e seu irmão “Claro, claro”, um “Não havia pensado nisso”, um “Sem dúvida”, o simpático “Puxa!”, até mesmo um “Tenho certeza”, primo do nefasto em questão. A Última Flor do Lácio agradece. Com certeza.
08:47:06 - Zeno -

13 Novembro

Dura Lex Sed Lex

Declaração do desembargador Eustáquio da Silveira, aposentado compulsoriamente (mas com remuneração garantida) por suspeita de favorecimento na concessão de habeas corpus a traficantes: “A história da humanidade nos ensina que nessas situações há sempre a necessidade de se oferecer alguém como bode expiatório”.

(da série “Frases Imortais de Magistrados”)
10:05:55 - sattin -

12 Novembro

"É proibido fumar", de Roberto Carlos

O ano era 1964, aquele que, mais que 1968, não só não acabou como ainda continua a balizar o rega-bofe da vida cultural brasileira. O objeto, uma bolacha de petróleo cheia de sulcos e com um buraco no meio,... [Leia mais!]
17:54:53 - sattin -

Nós apoiamos a Telefoníca

Ontem, pau no Speedy. Xingamentos. Ligação pro S.A.C.O. (Serviço de Atendimento ao Consumidor Otário). Aperte 4, aperte 9, aperte 6, aperte 0 para voltar. Diálogo cheio de termos técnicos com o atendente: “A luzinha tá acesa? Qual delas? E a luzinha atrás? Qual é a marca do modem?”. Uma hora e dez minutos de aporrinhação infrutífera. “Senhor, um técnico fará uma visita pessoal em 48 horas”. Forty-fucking-eight hours?? Nós e a Espanha não merecíamos isso. Ou merecíamos?
16:24:08 - sattin -

11 Novembro

Ao Homem do século XXI

humanos?
A primeira foto a sair na página inicial deste blog é uma homenagem ao homem do século XXI. Primeiro porque é de uma mulher. Segundo porque é a prova cabal de que o mundo evoluiu, que a sociedade moderna abandonou a vida tribal, as superstições, a insensatez e ritos pré-iluministas, desmistificou o corpo e colocou a ciência e a consciência a serviço da razão.

    PS: O nome da moça é Elaine Davidson, é brasileira e é recordista mundial com 1903 piercings. (fonte: UOL)
18:21:54 - Zeno -

Clássicos da Literatura Brasileira Revisitados/Alphonsus de Guimaraens


Tecnicismo

Hão de chorar por ela os dinamômetros.
08:57:33 - Zeno -

10 Novembro

Aos 12 anos

O nome dele era Mário. Era do tipo calado, magro, olhos fundos e poucos amigos. Nós estávamos na 6a série e como ele morava perto da escola, a gente sempre ia na casa dele ver as revistas que ficavam escondidas dentro de uma caixa de som. [Leia mais!]
11:23:38 - Zeno -

São Paulo, 450 anos

"Meus sonhos juvenis de suprema elegância, poder e cultura tinham-se reduzido a um nível bem paulista".

Paulo Emílio Salles Gomes

(da série "Epígrafes que gostaríamos de usar, mesmo que já tenham sido usadas").
08:55:13 - Zeno -

07 Novembro

Clássicos da Literatura Brasileira Revisitados/Bandeira e Drummond

Poema das Sete Faces (versão uncut)

Quando nasci, um anjo torto
aqui sob esta pedra,
desses que vivem na sombra
onde o orvalho roreja,
disse: Vai, Carlos, ser gauche na vida.
Repousa. [Leia mais!]
11:45:58 - Zeno -

.:: mês anterior :: :: :: :: November 2003 :: :: :: :: próximo mês ::.