:: home :: posts passados :: etilíricas :: je me souviens :: microcontos ::


A hora do DJ Mandacaru

Velharias musicais sempre fresquinhas.


.:: mês anterior :: :: :: :: June 2006 :: :: :: :: próximo mês ::.

14 Junho

A Terra é azul, o mundão é azul, até a rapsódia é meio azulada

Rhapsody in Blue não é exatamente uma peça desconhecida, deve ter pra lá de 200 gravações. Não ouvi todas, mas a mais bonita que conheço acabou de rolar aqui no play. Michel Camilo com a Orquestra Simfonica de Barcelona i Nacional de Catalunya, 16 MB de encantamento, para nos ajudar a atravessar esse vale de lágrimas e a Semana Santa.

13 Junho

Taí ó, pá tu pudê batê pá tua patota

Não há considerações... gerais... a fazer...
Tá tudo aí,
Tá tudo aí,
Para quem quiser ver.


E assim, nesta impróvável métrica, começa "Tributo ao regional", uma das 11 geniais faixas do LP Baiano & Os Novos Caetanos, aliás Chico Anysio & Arnaud Rodrigues.

Gravado ao vivo no longínquo 1974, marcou minha infância com canções como "Urubu tá com raiva do boi", "Ciranda", "Folia de rei" e a clássica "Vô batê pá tu". Achei o CD, fora de catálogo, dando sopa nas Americanas a 12 contos. Não sei se o DJ Mandacaru aprova, mas eu adoro.

Além da sátira inteligente à baianidad e de uma poética docemente pessimista, percebe-se o quê de um mangue bit* avant la lettre na doideira toda. O disco envelheceu muito bem, aliás, ao contrário de ambos os autores e do aniversariante da semana, nosso amigo Ricardo Soares, a quem dedicamos a faixa de número 8, "Véio Zuza", por razões óbvias.

* Zeno pede para corrigir para beat. Eu fico na dúvida se sou fiel à idéia do movimento ou se me rendo à nanoaudiência desqualificada.
22:17:23 - Pinto - 6 comentários

10 Junho

Radiola

Meus caros e meus ácaros, distinta nanoaudiência, respeitável púbico: dedicamos esta bela página musical à moça que se assina Nena, natural da aprazível cidade de Itaquaquecetuba, que por aqui costuma passear: o conjunto Jarabe de Palo interpreta Toca mi canción.

Clique e, se sua conexão for boa o suficiente, você conseguirá baixar o arquivo antes de conseguir dizer "Itaquaquecetuba".
14:23:13 - Pinto - 2 comentários

És pó e ao pó voltarás

Artigo legal do Ruy Castro, hoje no Estadão, sobre o livro-antologia Cocaína – Literatura e outros companheiros de ilusão. No livro é mencionada a canção-tango de Sinhô, cuja letra teria sido escrita por uma prostituta e musicada por ele. A canção é dedicada “ao carinhoso amigo Roberto Marinho", que aparentemente não tem nenhum parentesco com o Cavalo recentemente mencionado aqui no HZ. No Leia Mais, a letra de Cocaína. Enquanto vou ali procurar a gravação, de 1923, fiquem aí se divertindo com a música homônima do Sabotage. [Leia mais!]

07 Junho

A cavalo gago não se olham os pentes

Achei uma outra gravação de Cavalo Marinho. Faz parte de um pot-pourri (faço-me entender?) que engloba mais duas músicas de um bumba-meu-boi: Entrada do Boi Misterioso, o Cavalo... e A Burrinha. Juntando com o Hipo do logo, mais o veadinho perfumado dum post lá de baixo e o sofredor carregando o Geraldinho no lombo, isso aqui vai acabar virando Animal Planet.
A faixa foi tirada de um CD com o áudio do programa Ensaio (TV Cultura) e lançado pelo SESC, com o Quinteto Violado mesmo.

06 Junho

Dominus vobiscum

Ao contrário de Paris, Pinto, Geraldinho Alquimia não vale uma missa. Atendendo parcialmente aos pedidos dos queridos ouvintes, A morte do vaqueiro, com o Quinteto Violado.

02 Junho

Allons enfants!

E já que estamos na Gália (Galha?), uma região muito cara ao companheiro Zeno, aqui vai France Gall, uma espécie de Wanderléia das jovens tardes de domingo francesas. Meu bom amigo bretão Férdinand Costes que me presenteou o Best Of da moça, adquirido a peso de euro ali na lojinha de quinquilharias do La Tartine (nota na agenda: dois lugares a resenhar).

Um chouchou! Foi na tal lojinha, minutos antes de uma quiche de queijo de cabra profissionalíssima, que escutei aquela voz jovial & coquete cantando Poupée de cire poupée de son, que só conhecia em versão ao vivo, não menos jovial & coquete, dos meus amados Belle & Sebastian: compare aqui e diga qual a menos histérica das duas; eu mesminho ainda não cheguei a uma conclusão.

Os arquivos ficam disponíveis por sete dias. O YouSendIt deixou de ser muquirana e agora não limita mais o número de downloads.

(Nota do Editor, menos ignorante a cada dia: a canção é de autoria de ninguém menos que Serjão Gainsbourg, e venceu o concurso Eurovision de 1965)
19:07:31 - Pinto - Comentar

01 Junho

O espírito é novo, mas não está se sentindo muito bem

Esse post vai deixar o HZ parecendo aqueles filmes dublados antigos, onde os atores ficavam abrindo e fechando boca por uns três minutos até o primeiro som ser ouvido.
Seguinte: tá aqui no RapidShare o primeiro disco do João Gilberto “Chega de Saudade”, de 1959. Como faixa-ônus, “Se todos fossem iguais a você”, com a Ângela Maria, em ritmo de cha-cha-cha. O arquivo ficou pesadinho, quase 38 MB. Deixem pra baixar à noite e vão fazer coisa melhor.

.:: mês anterior :: :: :: :: June 2006 :: :: :: :: próximo mês ::.