:: home :: posts passados :: etilíricas :: je me souviens :: microcontos ::


Tectum Intuentes

Ociosidade produtiva - textos reflexivos, anotações íntimas, sacanagens e demais ressentimentos.


.:: mês anterior :: :: :: :: June 2007 :: :: :: :: próximo mês ::.

27 Junho

Ceará Metafísico

(com dois terços da atual Redação vindos de lá, republicamos o texto abaixo como forma de obter patrocínio de algum benfeitor distraído que não tenha sido cooptado pelo Nomínimo)

Estamos partindo, estão chegando

Ronaldo Correia de Brito*

O garçom que me serviu num restaurante chinês, em São Paulo, era cearense de Sobral. Quando falei de minha origem, ele trouxe um colega de Saboeiro para me apresentar. À noite, numa cantina italiana, fui atendido por dois cearenses de Jericoacoara. No almoço do dia anterior, num self service da Paulista, os garçons também cearenses haviam nascido em Tauá e Mombaça.

Não posso concluir que todos os garçons de São Paulo são cearenses, nem que todos os cearenses que moram em São Paulo são garçons. No máximo, suponho que existem muitos cearenses em São Paulo e vários deles são garçons. Eles falam com nostalgia da terra onde nasceram, pensam em retornar de férias, mas param a conversa por aí. Recordam a paçoca e a rapadura, mas já se acostumaram ao ravióli, ao sushi e ao yakisoba. [Leia mais!]
17:24:13 - Zeno - 7 comentários

14 Junho

Luana Piovani - Segunda Opinião

Primeiro aparece o bambu. Depois vem mais mato, água, cachoeira, pedra, folhagem, rio, o escambau, tudo entremeado por anúncios publicitários disso e daquilo. Você termina de ver as fotos e pergunta: "Mas cadê a Luana?". Você volta ao início, olha de novo e sentencia: "Porra, parece o encontro da National Geographic com a Negócios & Oportunidades!". Em resumo: é uma merda, um desperdício de Luana, pudicícia rimando com clorofila. Caro irmão leitor, faça como nós, que tanto elogiamos a moça aqui no blog: busque na sua estante os exemplares da Trip com os dois ensaios anteriores e delicie-se com a generosidade divina mostrada como se deve.

(no Leia Mais, e na mesma seara, nossa concordância absoluta com um post lá do Quinteto Irreverente sobre comentários desairosos a mulheres bonitas) [Leia mais!]
11:07:25 - Zeno - 4 comentários

13 Junho

Luana calada é uma poeta

Com a insuperável vantagem comparativa de que revistas são (até agora) mudas, recomendamos vivamente a aquisição da edição do mês corrente de Trip, um dos poucos títulos brasileiros com lombada quadrada, na qual se lêem matérias diversas e interessantíssimas sobre o tema "sono", dentre outros temas palpitantes. Textinho eficaz.

Em tempo: Caetano capitulou.
12:26:21 - Pinto - 2 comentários

12 Junho

Todo nosso apoio à Nicarágua

E eu não sei por que se ouve tanta reclamação do bolivariano presidente da Venezuela. Tremenda fonte de diversão não pode ser dispensada assim, num piscar de olhos direitistas — basta dizer que ninguém lembra quem era o presidente anterior da Venezuela. Desde a semana passada recebo em minha caixa postal um abaixo-assinado divertidíssimo de adesão a uma "Carta Aberta" que pede desculpas ao Chávez, "em nome do povo brasileiro", pelas grosserias contidas na nota de resposta do Senado brasileiro aos comentários do presidente venezuelano. Meu coração, maior que microfone de apresentador de concurso de miss, se encheu de ternura ao voltar ao início da década de oitenta, quando o movimento estudantil, ainda flanando na fumaça da Libelu, convocava reuniões e moções de apoio à Nicarágua e ao povo nicaragüense. Fui a várias, sempre encasquetado com a dúvida pequeno-burguesa sobre o "como diabos esta reunião vai ajudar a Nicarágua?". De lá pra cá só piorei — junto com o mundo, claro.
06:07:00 - Zeno - 7 comentários

11 Junho

Kassab, um comunista

E faz tanto tempo que temos um post com o título acima, cozinhando em arquivo morno, que o assunto já desandou. Não importa. Só o fato de voltar para São Paulo num domingo à noite, por exemplo, e se sentir em plena Alemanha Oriental com a ausência dos outdoors e placas dá um bem-estar danado. Gilberto Kassab é nosso candidato a Homem de Ano 1961.
06:20:00 - Zeno - Comentar

04 Junho

Pequena Contribuição para o Aclaramento de Novas Expressões da Língua Portuguesa

"Sindacta"

Advérbio. Modo que indica sensação ou sentimento de abandono, descuido, negligência. Abonações: "É uma adaga que vejo sindacta à minha frente?", "Penso sempre em Marcinha sindacta e languidamente", etc.

Adjetivo. Estado ou situação surpreendente, inesperada, de proveito repentino. Abonações: "Rapá, me vi numa sinuca sindacta e falei: quer conhecer minha coleção de mp3's?"; "O STF não espera uma solução sindacta para o caso", etc.

Substantivo. Pouco valor, inexpressivo, objeto de pouca estima. Abonações: "Armando, tu é um sindacta, mesmo, hein?"; "Saí daquela sindacta que era minha ex-namorada e parti pruma melhor", etc.

(para mais contribuições ao longo destes gautâmicos anos, clique aqui)
20:00:02 - Zeno - 3 comentários

03 Junho

Rumo ao 1001

Romário é o cara

Homenagem dupla e atrasada: ao Cara dos Mil e ao desenho gentilmente enviado pela nossa fiel comentadora Iara.
20:28:18 - Zeno - 1 comentário

01 Junho

Figuras de linguagem que amamos

Muito pelo contrário.

Entreouvido num restaurante, acerca de uma bela dama com um ligeiro buço:

"Se o caminho está lotado assim, imagine a festa!".

Fino, não?
10:40:16 - Pinto - 5 comentários

.:: mês anterior :: :: :: :: June 2007 :: :: :: :: próximo mês ::.