:: home :: posts passados :: etilíricas :: je me souviens :: microcontos ::


Lixo da Internet

Correntes de Santo Antônio e similares - você deleta e a gente recupera.


.:: mês anterior :: :: :: :: August 2007 :: :: :: :: próximo mês ::.

06 Agosto

Mora na filosofia

Resulta que© fomos apresentados, via Nassif e Estadão deste domingo, ao Filósofo de São Paulo. É lícito que uma cidade que já possui tantas coisas todas próprias —pensei no Minhocão, na pista de Congonhas, na estátua do Borba Gato e nas rampas anti-mendigo, mas deve haver mais— tenha também um filósofo para chamar de seu. Sobretudo quando parte da sua produção intelectual é dedicada a louvar a musa Francielle —repare nas fotos dela manejando o aspargo e veja se ele não estar certo em pedir o reconhecimento da audiência por tê-la conquistado, neste português aqui:

Esse peixão está aí abaixo, vinte e um aninhos de pura energia, gostosura e inteligência. Podem me aplaudir. Tudo bem, tudo bem. Eu sei que mereço.

O homem escreve na Página 2 do Estadão de domingo (desancando a Marilena Shall We©, mas isso é outro detalhe)!

Tudo isso exposto, é batata supor que jornal e filósofo andam seguindo à risca os ensinamentos do mestre Max Weber:

eu amo tudo de belo que temos e vemos, sentimos… / desrespeito e desonestidade me deixam bravo / fofocas me deixam triste / eu acredito no Deus criador, no cosmos, no universo, na energia e na ‘good vibração’ / a verdade no que vemos, sentimos e tocamos é bela / amizades, filme e viagens são divertidos / eu me lembro do que eu desejava / eu desejo tudo que conquistei e que vou conquistar com o meu trabalho - e que tudo dê certo! / o meu mundo é normal, como o de todo mundo, mas eu adoro a transformação das coisas, pessoas, lugares, imagens… / eu sou max weber.

(crdt pelo peixão do max weber : captcha)
11:54:48 - Pinto -

.:: mês anterior :: :: :: :: August 2007 :: :: :: :: próximo mês ::.