:: home :: posts passados :: etilíricas :: je me souviens :: microcontos ::


Todos

Todos os posts do mês. Para selecionar uma seção, clique no menu ao lado.


.:: mês anterior :: :: :: :: February 2011 :: :: :: :: próximo mês ::.

28 Fevereiro

Inside Job (2010)

Difícil resenhar um filme que ainda não se viu ainda, porque não entrou em cartaz aqui nem foi distribuído em vídeo, mas são quase duas horas de entrevistas devastadoras com personalidades ingênuas o suficiente para aceitarem o convite de participar do documentário que levou um Oscar ontem (os tubarões mais qualificados declinaram do convite, claro – e isso fica muito evidente no transcorrer das próprias). Belo feito. Atrevido, ousado, mereceu o prêmio e deveria ser visto.

Enquanto isso nós vamos aqui de Marília Gabriela perguntando aos entrevistados qual o seu signo.
23:27:18 - Pinto - 1 comentário

bom e jogo contra*

deve ser um papo daqueles, de controverso e divertido:
calos brickmann, bom jornalista ate dizer chega, topou cada parada durissima (assessor do que houve de pior na pulhitica).
fosse futibol, seria um ponta de lança entrando pela direita, desses duro de marcar.
leio e discordo ha tempos: às vezes ele entende matar no peito um pouco demais ao pe da letra.
mas hoje, por exemplo, esta tão bom que não.

* e falta de agudo mesmo, o cedilha so ta aqui graças ao character map, um pe.
16:09:37 - George Smiley - Comentar

Sol, mar e blood mary

Quem freqüenta a redação do Zeno sabe que temos algumas máximas de uso interno, principalmente em assuntos cinematográficos. Uma delas: "Filme de zumbi, quando é ruim, já é bom. Quando é bom, aí a festa tá garantida!". No link, um trailer não de filme, mas de game, que promete ser do balacobaco: que tal umas férias numa ilha ensolarada e paradisíaca?

(crdt: gabriel f.)
10:51:23 - Zeno - 3 comentários

Agora sim o Kadafi cai

Lourival Santanna twittando ao vivo da Líbia. Tem louco pra tudo.

10:36:52 - Zeno - 2 comentários

27 Fevereiro

Tem que ver



São 52 minutos, mas vale cada um deles, especialmente pela frase "quem crê seja possível um crescimento infinito num mundo finito ou é louco ou é economista".
14:48:23 - Pinto - 1 comentário

26 Fevereiro

eclair-naval

eu me lembro do amigo que me ensinou a d-e-s-a-b-o-t-o-a-r um sutiã num estalo de dedos.
desde então a vida virou uma alameda.

25 Fevereiro

É isso aí, bicho!

"Parmalat compra Daslu"

Adesg informa: sai perua, entra vaca.

(crdt férdinand côstes)
11:39:59 - Pinto - 6 comentários

24 Fevereiro

Marcuse, a Revolução e Duas ou Três Coisas Que Eu Sei Sobre Minha Namorada

Oi, meu nome é Zeno e sou assinante do jornal Brasil de Fato, cortesia de um amigo que se picou do Brasil e transferiu a assinatura dele pra mim. Coisa de amigo do peito, mesmo. Há, é claro, as manchetes peculiares do jornal: no número que acaba de chegar aqui em casa, por exemplo, pula na primeira página a manchete de que o McDonald’s, lugar insalubre onde estive com meu filho ontem à noite, está sendo processado por uma série de violações trabalhistas, que vão de salários a R$2,37/hora até acusações de assédio sexual. Logo abaixo, a chamada para um artigo de Fidel Castro: “OTAN quer ocupar a Líbia”. Mas não é disso que quero falar, nem mesmo da simpática cartinha com alguns erros de português (que são ninharia diante do desafio de transformar a sociedade) que me conclamou a renovar a assinatura com vários argumentos irretorquíveis sobre a necessidade do depósito bancário para a manutenção da Causa.

Do que eu quero falar mesmo é da embalagem do jornal para assinantes. Um plástico preto, sóbrio, opaco, com filetes brancos nas partes superior e inferior, mais o logo do jornal, no alto, à esquerda, seco, “Brasil de Fato”, com o slogan abaixo “Uma visão popular do Brasil e do Mundo”. No outro lado da embalagem, nada, nenhuma informação, só a do pretume discreto, presença ausente que desperta sentidos indeterminados. A semelhança se me veio num raio: “Parece aquelas embalagens de revista pornô sueca dos anos setenta, ou então aqueles catálogos de sex shop que a gente recebia pelo correio nos anos oitenta”.

Não vou discorrer aqui sobre o papel da Suécia social-democrata na liberação dos costumes em sociedades caretas pós-ressaca-de-sessenta-e-oito, mas isso rendia uma bela troca de diálogos pra casal moderninho, né não?:

[Ele, animado] – Nossa, isso me lembra catálogo de sex shop, daquelas americanas, que anunciavam os produtos por ordem alfabética!”

[Ela, também animada] – É verdade!

[Ele] [silêncio]
20:14:51 - Zeno - 4 comentários

Cúmplice

Deu na Folha: "Polícia recupera objetos roubados na casa do secretário Saulo de Castro"

(da série: Manchetes de Duplo Sentido Que Adoramos)
07:31:28 - Zeno - 4 comentários

23 Fevereiro

Inez who?




Escuridão total: já rodei tudo que é boteco, só consegui migalhas - quem é Inez Jones? Começou a carreira em Kansas, foi cantora de boates na região de San Francisco, na década de 50, aparentemente gravou só um disco, mas que disco! O Oscar Moore da guitarra é ele mesmo, o do Nat King Cole Trio.
Vejam aí se não é de chorar.


04. Where Or When by DJ Mandacaru

06. Moonlight In Vermont by DJ Mandacaru

A casa, penhorada, agradece a quem trouxer alguma informação sobre a Inez. Ou que explique a capa do disco. [Leia mais!]

22 Fevereiro

CT Boucherie

E por falar em carne, #ficaadica: o novo restaurante do meu, do seu, do nosso sempre sympa Claude Troigros, inaugurado há pouco na Dias Ferreira, Leblon, ainda mantendo o título criado aqui na casa de Melhor Cidade do Interior Que Eu Conheço (o bairro, não o Claude). O ovo de colombo do Claude, não do bairro, é fazer um restaurante para carnívoros convictos em que a peça de carne é fixa (isto é, você decide o que vai comer num menu enxuto de cortes) e o que fica em rodízio são os acompanhamentos, naquele patamar Claude: garçons passam a toda hora oferecendo suflê de chuchu, arroz com amêndoas, vagem-manteiga no alho, risoto de quinoa, purê de mandioquinha, etceterá. Sobre as carnes, o bife de chorizo estava excepcional e o restante levou um 8 com louvor. Sobre a ambiance, tinha fila, tinha celebridade, tinha confusão, tinha muvuca, o que quer dizer que enquanto não baixar a poeira é melhor chegar bem cedo ou bem tarde.

Clicando aqui, um video curioso do Claude explicando o "conceito" do restaurante.

(crdt video: p. aral)
12:02:59 - Zeno - 8 comentários

Veganismo

Deu na Folha: Mulher-Filé é assaltada em Duque de Caxias.

Depois neguim reclama da falta de apoio aos movimentos de reeducação alimentar.
11:39:30 - Zeno - 1 comentário

21 Fevereiro

Um Homem Misterioso (The American, 2010)

Um amigo aqui do blog, que entende mais de cinema do que a redação inteira reunida, recomendou o filme dizendo que era um "thriller diferentão, como se fosse dirigido pelo Antonioni". E é isso mesmo. Outra referência clara é o parentesco do personagem principal vivido pelo George Clooney com o Alain Delon n'O Samurai, um dos muitos "thrillers existencialistas" dirigidos pelo Jean Pierre Melville desde o final da década de 50. O que o filme tem de mais interessante é o completo desprezo por amabilidades como plot, motivação, background de personagens e outras chatices que estão sobrando em todos os candidatos a Oscar deste ano. De vez em quando escorrega aqui em acolá em tomadas mais explicitamente "artísticas", mas o saldo se segura.Não sei se ainda está em cartaz, mas o filme pode ser visto num Cine Torrent próximo de sua casa.
11:56:50 - Zeno - 6 comentários

15 Fevereiro

George Shearing (*1919 +2011)




Essa coluna tem o doloroso dever de informar que pediu demissão, ontem, o músculo cardíaco do pianista George Shearing, após 91 anos de inestimáveis serviços.
Inglês, migrou para os Estados Unidos em 1947. De lá pra cá tocou com todo mundo e seu pai.
Duas provinhas e dois discos, para as despedidas.

Lullaby of Birdland
13. Lullaby Of Birdland by DJ Mandacaru

Perfídia
01 - Perfida by DJ Mandacaru
[Leia mais!]

Ei, você aí, me dá um dinheiro aí


Deu na coluna da Eliane Catanhêde, na Fôia de hoje:
==============
(...)Na sexta-feira, o ministro Nelson Jobim se reuniu por mais de uma hora com Dilma e com a eminência parda Antonio Palocci. Para desanuviar, deu de presente para a chefe o CD "Tangos & Milongas", com versos de Borges musicados por Piazzolla. Depois, desandaram a falar gauchês e contar "causos".
==============
Bobagem do Jobim. Se queria dinheiro pra aviãozinho, deveria ter baixado o disco original e não o produto ítalo-paraguaio.
10:55:42 - DJ Mandacaru - Comentar

13 Fevereiro

péroras rocais

para os apreciadores da moderna cultura nipônica, um burogui* queu recomendo:

http://sprecord.jugem.jp/ **
(**não sei pq. o liame não entrou nem ...)

donde se pode ver coisas tipicas como essa, entre outras:

gurujero ereturico

* recomendo um transleitor, ou uma transleitora, p/ melhor degustação.

09 Fevereiro

Questão de gênero


Deu na Fôia
======================
Marta corrige senador por uso de "presidenta"

(...) O senador [José Sarney] usou a expressão "presidente" para dirigir-se a Dilma Rousseff. Na terceira citação, Marta interviu. "Pela ordem, senhor presidente. Senhora presidenta da República", afirmou ela.
Constrangido, Sarney rebateu. "Muito obrigado a Vossa Excelência, mas estou usando a fórmula francesa: madame le président. As duas são corretas gramaticalmente", disse ele, membro da Academia Brasileira de Letras.

======================
Se Dilma fosse homem, não haveria dúvida: Marta, tremenda baba-ovo. Como não é, vote nas sugestões abaixo:

a) Baba-útero
b) Baba-grandes lábios
c) Baba-o-que-vier-pela-frente

07 Fevereiro

Falar é fácil e o silêncio é fatal

Das muitas frases que ele cunha ou populariza, essa que dá título ao post é a que mais gosto. É um incentivo, um "vai lá que é mais fácil do que você imagina". Mentira dele, mas calculada. Caí nessa quando o Zeno foi aberto. Caíram nessa todos os outros que se seguiram. Leia entrevista curta e grossa do @hdhd para a Revista Galileu aqui.
12:01:49 - Lama - 3 comentários

05 Fevereiro

"James Bond: Siegfried com pistola '45"

"O homem nasce, vive, torna-se macho praticante, realiza feitos históricos na cama ou fora da cama, alcança vitórias materiais e intelectuais, é querido e respeitado e, um dia, sob o pêso de avançada idade e muitas memórias de uma existência gloriosa, morre com elegância e discrição.

Assim era e assim é sintèticamente a concepção ideal que os homens "ocidentais, cristãos e democráticos" têm do que chamam uma vida bem vivida. Ora, entre a concepção ideal e a realização prática há mais diferenças do que entre Einstein e Castelo Branco. A maioria dos homens nasce, vive - ou vegeta - e morre (de enfarte do miocárdio ou de câncer na próstata) sem ter jamais sido um Tarzan de alcova, um Alexandre da Bôlsa de Valôres ou um Péricles de boate.

Resulta daí essa penosa frustração que faz a alegria dos psicanalistas (todo burguês que se preze tem o seu) e explica o extraordinário sucesso internacional de James Bond, o agente secreto 007 criado por Ian Fleming (já falecido, de infarte), a quem proporcionou uma fortuna em direitos autorais.(...)"

Ênio Silveira, editor da Civilização Brasileira, na orelha de apresentação a Os Outros Que Se Danem, tradução brasileira publicada pelo próprio Ênio em 1965 para Live And Let Die, do Fleming, de 1954.
12:16:12 - Zeno - 2 comentários

04 Fevereiro

In memoriam



Foi só no finalzinho da última reunião de pauta que a polêmica explodiu. O redator-chefe, em avançado estado de embriaguez, garantia que a Mel Lisboa era filha do Nei Lisboa. Um outro, pouquinha coisa mais bêbado, berrava que não era, "era filha do...do...do...depois eu lembro...".

Lembrei: eu estava numa lojinha da estação de trem de Bento Gonçalves, fuçando uma estante com discos de música regional. O que me chamou a atenção foi o nome de Lucio Yanel. Argentino, puta violonista, já o tinha visto num show aqui em Sampa, onde foi acompanhado pelo seu aluno mais famoso, Yamandú Costa (vejam os dois arrasando em Adiós, Nonino). Mas o disquinho era muito mais: o Bebeto Alves cantando músicas do Mauro Moraes, com o Lucio no violão e o Clovis Boca Freire no contrabaixo acústico. Vejam aí as provinhas e o petardo como um todo.

01 - Chamamecero by DJ Mandacaru
04 - Do fundo da alma by DJ Mandacaru

E, sim, o Bebeto é o pai da Mel e só de sacanagem diz que ela é filha dele com o Nei Lisboa. [Leia mais!]

03 Fevereiro

Teu passado é uma bandeira, teu presente, uma lição

Em respeito à nação corinthiana, NÃO repetiremos as piadinhas ouvidas e lidas nesta manhã, como as que seguem abaixo:

"'Deixo o Egito e assumo o Timão', revela Mubarak à Al-Jazeera."

"Quiz: o Corinthians foi eliminado ( ) da pré-libertadores ( ) da pré-escola ( ) do pré-sidio?"

"Corinthianos, não desanimem, olhem o Vasco. Ops! Vascaínos, não desanimem, olhem o Corinthians!"

"Ufa! Ainda bem que não temos muro de estádio para picharem."

"Corinthians decide fazer intertemporada no Cairo. 'É tranquilo', declara presidente Andres Sanchez."

"Corinthians na Libertadores é igual tartaruga em cima da árvore: ninguém sabe como chegou lá, mas sabe que vai cair."


Que fique claro: NÃO repetiremos estas e outras piadinhas infames. Por favor, NÃO insistam.
09:48:30 - Zeno - 3 comentários

.:: mês anterior :: :: :: :: February 2011 :: :: :: :: próximo mês ::.