:: home :: posts passados :: etilíricas :: je me souviens :: microcontos ::


Zenices

Pensamentos de Zeno acrescidos de pérolas de igual verve vindas de procedência vária.


.:: mês anterior :: :: :: :: May 2010 :: :: :: :: próximo mês ::.

19 Maio

Zeitgeist

Não crer em sanções. Nem em Dalilas.
15:20:22 - Pinto -

11 Maio

O Dia das Mães está chegando. Esteja preparado.

Já que o Pinto anda em fase MILF animada, queria dar um pitaco e sugerir, com uns dias de atraso mas com quase um ano de antecedência, uns novos slogans para a rapaziada de marketing usar na próxima campanha do Dia das Mães. Que tal esse?

"Mãe. Mesmo o maior filho da puta tem uma."

Ou na linha dos ditados reescritos:

"Mãe de amigo é quinem muro alto: deve-se trepar com cuidado."

Ou ainda, mezzo dadá:

"Mais vale uma mãe à mão que duas com sutiã."

Pra encerrar, minha preferida, só que no Dia dos Namorados, para um hipotético rapaz que quer declarar seu amor:

"Querida, a única pessoa que me fez mais feliz que você foi minha mãe", ao que ela responde, meiga: "Cê é doente?".
20:02:35 - Zeno -

09 Maio

Onde andará Dulce Veiga?

Não faço a menor ideia. Mas tenho notado uma irritante ausência de Gabriel Chalita das colunas sociais —e olhe que ele lançou livro novo com o Padre Fábio de Melo, talvez único caso mundial de aplicação de botox na face para fins prioritariamente não-estéticos, segundo o próprio.

Outra que anda assim meio sumida —e põe meio nisso— é Adriane Galisteu. Mas está grávida, então logo teremos que aturá-la mãe.

Fica aqui o desagravo à minha nesta data.
00:01:00 - Pinto -

05 Maio

"Querida, você lembra tanto minha mãe"

Recebo pela newsletter da Livraria da Vila a seguinte pergunta: "Que tipo de mãe é a sua?".

Troço mais woodyallenesco, né não?
11:13:13 - Zeno -

.:: mês anterior :: :: :: :: May 2010 :: :: :: :: próximo mês ::.