:: home :: posts passados :: etilíricas :: je me souviens :: microcontos ::


.:: post anterior :: :: :: :: navegue pelos posts :: :: :: :: próximo post ::.

Um tapa no Butantan da sociedade

A horse with no name

Para que eu, jararacas e cascavéis instilem veneno nas redes sociais e nas canelas de pessoas incautas, uma manada de cavalos, jumentos e burros — gente como a gente — é periódica e deliberadamente inoculada, sangrada e volta a ser inoculada para produzir soro antiofídico em quantidades industriais — longe de qualquer protesto de primatas que se comovem com beagles fofinhos feito cobaias, mas continuam comprando cosméticos na Mac e usando espuma de barbear da Gillette.

Diferente dos beagles, que são testados, com os equinos não é teste, não. É jogo. Valendo pontos. Uma entrada mais dura rebaixa o titular para uma outra divisão sete palmos debaixo da primeira.

O endereço dos responsáveis por essas sessões de sadismo é aqui, para quem quiser resgatar um animalzinho de estimação e criar em casa.

Dado o recado, com licença que vou ali falar com o urubu que advoga para este blogue, porque não pedimos autorização a nenhum hipopótamo para batizar o Zeno e a Paula Lavigne foi recentemente vista no zoológico do Rio conversando com um vizinho de jaula do saudoso Cacareco.


posted at 19:04:23 on 22-10-2013 by Pinto - Category: Tectum Intuentes


Comentários

guija snoppy wrote:

Até porque até ativista araqueia-se nestas bandas. Beaglemaníacos vendo diamantes com Lúcia, de ignorância a respeito das possibilidades xadrezísticas ao ver o sol nascer quadrado pela "adoção" dos fofoluxos, logo descartaram-os e os pequenino começaram a pipocar por aí. Daí que, pra ficar aqui neste nosso terreiro, sugiro essa galére ver "The Cove", doc respetacularíssimo com aderência a todos os requisitos pra fazer um doc do bão, mas seguindo os preceitos de narrativa da ficção (personagens e heróis, missão, desfecho, etc.), com abordagem mui atraente do valor de captação do audiovisual, estudo de semiótica paradinha memo.
23-10-2013 18:14:28

Zeno Atrasadão wrote:

O "The Cove" o nosso Ex-Redator Chefe Pinto tinha resenhado na época, aqui, ó:

http://www.zeno.com.br/index.php?itemid=5918

Como ainda não vi, porque não levo a sério recomendação dele, agora mudo de idéia e vou atrás.
24-10-2013 08:58:12

g. y los perros wrote:

enfim, o que não faz por uma caussa justa uma goshtosa, nénão?
queria ver se na liderança (peitando...?) tivesse uma mocréia...
isso é que é bomb(d)a semiótica.
24-10-2013 10:43:46

guija andaluz wrote:

Bem lembrado, gorge. A golfeeira ali é filé interessante. E avalizo as linhas do Pinto, ainda que tenha segurado as lágrimas no final (e não me orgulho disso).

Li em "Defesa da Comida" porque achei por 9 cruzeiros no Extra Brigadeiro. Ironia do onívoro.
24-10-2013 13:24:09

DJ Águia dde Haia wrote:

Se eu fosse tu, não chamaria Dra. Cam de urubu. Nem botaria ela no mesmo parágrafo onde está Paula Lavigne.
24-10-2013 15:46:54


Incluir comentário