:: home :: posts passados :: etilíricas :: je me souviens :: microcontos ::


.:: post anterior :: :: :: :: navegue pelos posts :: :: :: :: próximo post ::.

tem 6ª

que chega feliz
de semana em fim

c´uma carinha safada
de tarde cabulada
numa cambury nos 70s

vazia q´nem um zen

de cabeleira solta no sol
se acabando garota
numa garoa de beijinhos

chega mansinha
q´nem fim de onda
em areia larga
de praia sem tombo

entrando
aos poucos pelos pés
lambendo em cada dedo
sem-vergonha
sua preguiça

e falando o fodase mais doce
que há
procê e o cosmo inteiro à sua volta

chega junto c/ a gente
cunversando contente
enquanto guarda as ferramenta

q´nem uns americans
em casa enfim
sossegados
ou quase

c´os filho ainda querendo
depois de tudo que foi preciso
pelas causa e calças

chega tocando
cum jeito que beira o brega
de tão doçamaro
q´nem quase uma viola
do pat metheny

ou aquela 1ª bola
naquelas tardes
compridas e à toa
em juquehy

vem falando mansa
com´um dos desperdícios
dum dos vinícius em itapuã

vem ela e leva ocê assim
como se eles
e aquelas tardes
ainda e sempre sejam
um nosso amanhã.

posted at 01:41:56 on 05-09-2015 by George Smiley - Category: Microcontos


Comentários

Sem comentários


Incluir comentário